Busca rápidaX

MANCHETES

Para professor de Economia da Unijuí, 2018 deve ser ano conturbado

4 de fevereiro de 2018

O professor de Economia da Unijuí, Argemiro Brum, em entrevista na Progresso, projetou um 2018 conturbado e instável. Destacou que isso pode ocorrer devido ao ano eleitoral, além de que o governo federal não consegue resolver o problema do déficit nas contas públicas. Ele frisou que a reforma da Previdência não deve ser votada nesta ano, justamente porque os deputados tem receio de perder votos no pleito de outubro.

Ainda à respeito da reforma da Previdência Social, Argemiro Brum disse que se for aprovada haverá alívio momentâneo, porém se não houver aprovação as notas de crédito do Brasil no exterior podem ser rebaixadas.  Na mesma entrevista na RPI, o professor frisou que pode não se concretizar o crescimento do Produto Interno Bruto brasileiro entre 2 e 3% em 2018, como estima o governo do presidente Michel Temer.

Segundo ele, existem fatores que podem atrapalhar essa projeção, por exemplo, a safra de grãos, que registra estimativa de queda em relação a 2017. Conforme Argemiro, outro quesito que pode atrapalhar a economia é uma possível candidatura nas eleições de outubro do atual ministro da Economia, Henrique Meirelles.

 
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!