Busca rápidaX

MANCHETES

Partido Patriota é alternativa ao novo partido de Bolsonaro nas eleições de 2020, diz Bibo Nunes

30 de novembro de 2019

Em encontro com jornalistas na manhã desta sexta-feira (29), em Porto Alegre, o deputado federal Bibo Nunes falou sobre o recém-criado partido do Presidente Jair Bolsonaro, o Aliança para o Brasil. O parlamentar gaúcho admite a dificuldade da nova sigla em se regularizar a tempo de viabilizar os candidatos próprios para as eleições municipais em 2020. Para isso, o partido tenta aprovar a coleta de assinaturas digitais, o que deve ser definido na próxima terça-feira, caso a medida não seja aceita, será necessário recolher assinaturas físicas, o que demandaria tempo maior. Bibo Nunes considera muito difícil que o partido consiga estar apto a tempo das eleições. Como alternativa o deputado revela que o partido Patriota pode servir como parceiro para o lançamento de candidatos apoiados pelo presidente Jair Bolsonaro. “É uma hipótese”, disse. Segundo Bibo Nunes, quem tiver o apoio do presidente terá muitas chances, devido a popularidade de Bolsonaro.

Com a dificuldade para viabilizar o Aliança para o Brasil, o deputado federal gaúcho não enxerga candidatos apoiados pelo presidente para a prefeitura de Porto Alegre. Questionado se poderia entrar no pleito, Bibo admite que deverá ser convidado, mas nega a possibilidade. O PSL lançou a pré-candidatura de Ruy Irigaray, que ocupa a secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo do governo Leite. Segundo Bibo Nunes, Irigaray deve ficar em último como apontam as pesquisas. O deputado explica que ele assumiu a vaga no governo contrariando a ala do partido apoiada por Bolsonaro.

Por fim, Bibo Nunes assegura que os aliados do presidente que estão migrando para o novo partido não estão pensando no dinheiro para as campanhas eleitorais e complementa que é contra o fundo partidário. Segundo o parlamentar gaúcho, o PSL, a que ele se refere como ‘partideco’, é o mais rico em termos de acesso a recursos dos fundos partidários e eleitorais, porém, sem o apoio de Bolsonaro, eles não devem ter sucesso nas eleições.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí/Foto: Reprodução/Facebook

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!