Busca rápidaX

PCdoB de Ijuí define estratégia para eleições deste ano

23 de julho de 2018

O Comitê do PCdoB de Ijuí reuniu-se no último sábado (21), dando encaminhamentos à participação nas eleições deste ano. O Partido em Ijuí referendou os nomes de Manuela D’Ávila como pré candidata à presidência, de Abigail Pereira a governadora e do vereador de Cruz Alta, Everlei Martins, ao senado. Nestas eleições o PCdoB gaúcho deseja retornar à Câmara dos Deputados e ampliar sua participação na assembleia legislativa. Ijuí, pela primeira vez desde as eleições em 1998, não terá representantes do PCdoB local nas eleições. Junior Piaia e Rosane Simon eram nomes cogitados para concorrer a federal e estadual, respectivamente.

Piaia lembra que o Partido em Ijuí é protagonista na construção e na retomada de um projeto nacional, que tenha como pontos principais a defesa do Brasil, da constituição e da via democrática, valorizando a política e ampliando a democracia. Para ele, infelizmente, o quadro na atualidade é de instabilidade institucional e de exceção, em que a constituição é desrespeitada para preservar o interesse das elites conservadoras. Esta conjuntura requer uma estratégia ampla e clara das forças progressistas. “Realizamos nosso debate sobre a conjuntura política local e uma série de fatores foram elencados pelo conjunto da nossa direção para decidirmos por não ter candidaturas de Camaradas de Ijuí no processo eleitoral neste ano. A principal delas é que iniciamos um processo de reorganização de nossas forças cujo foco já pondera as eleições municipais em 2020”, explicou Piaia.

O Comitê Municipal sinalizou também o apoio a candidaturas prioritárias do Partido em Ijuí. O metalúrgico Assis Melo, que já ocupou vaga na Câmara dos Deputados, será o candidato prioritário. Giovani Culau, pela juventude e Taquara, vice-prefeito de Cruz Alta também terão apoio do Partido em Ijuí. Para a Assembleia Legislativa, a sigla apoiará a reeleição de Juliano Roso. As candidaturas do Partido serão efetivadas na convenção estadual, dia 4 agosto. Seis delegados representarão o PCdoB de Ijuí.

Centro da ação está em uma vitória eleitoral em outubro
O Comitê Central do PCdoB também esteve reunido em São Paulo, neste final de semana. Em nota, o Partido “conclamou PT, PDT, PSB, PSOL e demais forças progressistas a construírem a unidade, já no primeiro turno, para vencer as eleições, derrotar a agenda neoliberal e neocolonial de Alckmin, Temer e Bolsonaro e retirar o Brasil da crise, encaminhando um novo ciclo de desenvolvimento soberano com geração de empregos, distribuição de renda e direitos”.

Considerando o cenário, “reafirmou-se a convicção de que a estratégia política da esquerda e das demais forças democráticas, populares e patrióticas deve ter por centro a vitória eleitoral em outubro, o que exige marcharem unidas desde já”. O Comitê Central também reiterou que Manuela D’Ávila seguirá em pré-campanha a presidência e renovará seu empenho para que se viabilize a união do campo progressista, condição que considera “imperativa” para que se alcance a quinta vitória popular nestas eleições.

Estamos na reta final de definições e o cenário eleitoral que se apresenta é o mais complexo desde a redemocratização do país na década de 80. O Partido em Ijuí, ainda que não tenha representantes locais neste pleito, empenhará suas forças e as forças da sua militância no projeto de ampliar as bancadas do Partido nos legislativos e principalmente, pela retomada de um caminho democrático e progressista para o país, representado por uma vitória popular nas eleições presidenciais”, argumentou o Presidente do Partido, Ângelo Schiavo.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: PCdoB

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!