Busca rápidaX

Champs Elysees

Pedido de liberdade de Lula será julgado hoje pelo STF

4 de dezembro de 2018

Prestes a completar oito meses na prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) volta à arena jurídica hoje (4) com o julgamento de um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF). O pedido de liberdade será apreciado pela 2ª Turma da Corte, a partir das 14h. Ele é condenado em primeira e segunda instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Segundo a acusação, Lula teria recebido propina por meio da reforma, mobília e aquisição de um triplex no Guarujá.

Em 73 páginas, os advogados de Lula requerem a nulidade do processo e a imediata liberdade de Lula. Eles dizem que o Juiz Sérgio Moro foi parcial e perseguiu o petista. A principal prova da suposta atuação política seria a ida do juiz para o governo de Jair Bolsonaro (PSL) como ministro da Justiça.

Em parecer enviado ao STF, a procuradora-geral da República,  Raquel Dodge, afirma que as acusações são “ilações infundadas”. Raquel diz que, ao condenar Lula, Moro jamais poderia imaginar que “seria chamado para ser ministro”. Ela também cita a insistência com que Lula alega ser vítima de perseguição.

 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: editada de gauchazh.clicrbs.com.br

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!