Busca rápidaX

MANCHETES

Pelo 2º dia consecutivo, ocupação das UTIs privadas registra índice crítico no RS

21 de agosto de 2021

Pelo segundo dia consecutivo, a ocupação dos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) na rede privada registra índice crítico – acima dos 80% – no Rio Grande do Sul. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), a lotação nesta manhã é de 80,7%, o que corresponde ao maior volume de pacientes internados das últimas três semanas.

Os piores cenários são observados nas áreas de Pelotas, Santa Cruz do Sul, Cachoeira do Sul e Canoas, com as UTIs particulares superlotadas desde ontem. Já Porto Alegre, Novo Hamburgo, Lajeado, Passo Fundo, Santo Ângelo e Uruguaiana atingem ocupação superior aos 80% na rede privada.

Com cenário mais confortável, as instituições que atendem pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS) tinham, nessa manhã, índice geral de lotação dos leitos de 54,3%, de um total de 2.495 vagas disponíveis.

Neste sábado, a taxa de ocupação geral – soma das redes particular e pública – dos leitos de UTI é de 61%. Das 3.340 vagas, há 2.037 preenchidas, sendo a maioria, ou 66%, por pacientes com os mais diversos problemas de saúde e 34% em decorrência de casos confirmados e suspeitos de coronavírus.

Na última quarta, o Rio Grande do Sul voltou a registrar menos de 2 mil pacientes internados em UTIs, após um período de 190 dias. Contudo, no dia seguinte a marca já havia sido superada novamente.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!