Busca rápidaX

Petrobras reajusta preço do gás de cozinha em 5% a partir desta sexta

26 de dezembro de 2019

A Petrobras vai aumentar em 5% os preços de venda do gás liquefeito de petróleo (GLP) em suas refinarias e bases a partir desta sexta-feira.

O reajuste é válido para todos os tipos de GLP, desde o residencial, conhecido como o gás de cozinha nos botijões de 13 quilos, até o industrial e comercial, vendido em vasilhames de 20 kg, 45 kg e acima de 90 kg, incluindo a granel.

Os preços do GLP, como dos demais derivados são livres. Mas, segundo um técnico do setor, considerando que a matéria-prima representa cerca de 54% do preço final do produto, o impacto final aos consumidores pode variar entre 2% a 3%, desde que seja feito apenas o repasse do aumento dos preços nas refinarias da Petrobras.

No Rio, de acordo com o último levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP), no período entre os dias 15 e 21 de dezembro, o preço médio do botijão de 13 quilos está em R$ 63,53. Já o valor máximo cobrado do consumidor chegou a R$ 75, em Santa Cruz, na Zona Oeste. O preço mínimo de R$ 54,99 foi registrado na Taquara, também na Zona Oeste.

De acordo com cálculo de um especialista do mercado, o GLP residencial vendido em botijões de 13kg teve, de janeiro até agora, um reajuste médio de 10% nas refinarias da Petrobras.

Já o GLP vendido para industria e comércio, que até novembro tinha preços diferenciados do gás de botijão, registrou uma redução média da ordem de 10% no ano nas refinarias.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Extra.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!