Busca rápidaX

MANCHETES

Poder Executivo de Panambi decreta situação de emergência no município em decorrência das chuvas

29 de Maio de 2017
Nesta segunda-feira, 29 de maio, o prefeito Daniel Hinnah assinou o Decreto de Situação de Emergência no Município de Panambi. A medida visa facilitar o acesso a recursos e simplificar os procedimentos burocráticos para as ações de auxílio às famílias atingidas e para agilizar a recuperação dos estragos causados pelas chuvas ocorridas principalmente no sábado, 27.

Segundo ele, “a grande intensidade das chuvas em um curto período de tempo no início da tarde de sábado e o elevado volume acumulado das precipitações durante a semana ocasionaram alagamentos e inundações em diversos bairros da cidade. Dezenas de moradias foram atingidas pela enxurrada, que também derrubou muros e causou danos em ruas e pontes da área urbana e em estradas e pontilhões no interior”. O Rio Fiúza transbordou suas margens em diversos pontos e suas águas alcançaram residências no Bairro Vila Nova, desalojando seus moradores.

No centro da cidade o Arroio Moinho também invadiu estabelecimentos comerciais e um prédio onde funcionam serviços públicos municipais. Pelo menos duas escolas (Bom Pastor e 21 de Abril) e dois postos de saúde (Centro e Esperança) foram alagados pela água das chuvas e nesta segunda-feira, 29, estão recebendo a limpeza e reparos necessários para que voltem a funcionar normalmente.

AÇÕES DE DEFESA CIVIL E DEMONSTRAÇÕES DE SOLIDARIEDADE

Ainda na tarde de sábado, a Prefeitura Municipal mobilizou uma numerosa equipe com servidores e gestores de todas as secretarias municipais. Muitos voluntários somaram-se ao grupo, como a Associação de Jipeiros e o Museu Militar Brasileiro. Também os Bombeiros realizaram diversos atendimentos. Sob a coordenação do prefeito Daniel Hinnah, a equipe atuou no resgate de pessoas ilhadas pela água, na desobstrução emergencial de canalizações pluviais, remoção de famílias cujas moradias foram inundadas, captação e distribuição de donativos como roupas, colchões e cobertores, material de higiene e limpeza e alimentos.

O trabalho prosseguiu ontem em diversas frentes. Grupos foram formados para atuar nas ruas e bairros mais atingidos pelas inundações e enxurradas, enquanto outra equipe organizava e encaminhava os donativos da comunidade. Uma central de recebimento e entrega de doações foi montada no ginásio de Esportes da EMEI Madre Paula, enquanto um abrigo público foi colocado à disposição na Comunidade Católica do Bairro São Jorge, embora não tenha sido necessária sua utilização para o pernoite. Neste último local citado, continuará sendo feito ao longo desta semana o atendimento às pessoas que necessitam de doações.

Conforme a secretária Elizabete Farias de Souza, da Habitação, Trabalho e Ação Social, as principais necessidades no momento são de alimentos não perecíveis e de material de higiene e limpeza. “Estamos muito agradecidos pela grande demonstração de solidariedade da população de Panambi, que nos encaminhou muitos donativos como colchões, cobertores e roupas, cuja quantidade já é suficiente para atendermos às demandas que vêm surgindo”, avalia. Ela destaca que agora começam a surgir mais pedidos de ajuda para a recuperação ou substituição de móveis e de alguns eletrodomésticos, que mesmo após serem limpos e revisados não estão mais em condições de uso. Donativos deste tipo devem ser encaminhados através do telefone 99162-5032 ou pelo número principal da Prefeitura da Panambi: 3376-9100.  

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!