Busca rápidaX

MANCHETES

Poder público de Santo Ângelo tenta regularizar situação da área da antiga CEASA

20 de abril de 2018

No decorrer desta semana, o Presidente da Câmara de Vereadores, Everaldo de Oliveira, e o Prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa, estiveram reunidos com o Diretor Técnico Operacional da Central de Abastecimento do Rio Grande do Sul – CEASA, Ailton dos Santos Machado. O objetivo do encontro foi tratar sobre a retomada da área, situada na ERS-344 e doada pelo município, em 1992, para a CEASA.  Conforme explicou o Chefe do Legislativo, o impasse se dá por conta da legislação não prever a devolução do espaço ao município:    

“A área foi doada pela prefeitura através da Lei 1.486, de 14 de abril de 1992. O incrível é que na referida lei não há uma cláusula prevendo a devolução da área ao município caso não fosse mais utilizada pela Central. Agora, a maior dificuldade é que todo o espaço foi penhorado. Diante disso, nosso próximo passo, juntamente com o Prefeito Jacques, será buscar uma solução junto ao Governador”, explicou Everaldo.

Conforme informou o Presidente da Câmara, a retomada da área possibilitará a instalação de novos e importantes empreendimentos para o município. “Essa área é estratégica para o município, principalmente se pensarmos na instalação de grandes empresas. Ter a disposição um espaço com as características da antiga sede da CEASA em Santo Ângelo torna o município muito mais competitivo e propício a receber grandes e melhores investimentos”, acrescentou.

De acordo com o Chefe do Legislativo, a escrituração da área vai permitir, também, a regularização de moradias que já estão instaladas nas proximidades. “Vamos conseguir legitimar a área e garantir infraestrutura básica às famílias, como rede de água e energia elétrica”, acrescentou edil. Ao finalizar a reunião, Prefeito e Presidente da Câmara solicitaram audiência com o Governador do Estado, José Ivo Sartori.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!