Busca rápidaX

Polícia Civil adota ‘operação padrão’ e paralisa parcialmente suas atividades

18 de novembro de 2019
Na semana passada, policias fizeram protesto com paralisações pelo Estado. Foto: Guilherme Testa

A Polícia Civil gaúcha vai paralisar parcialmente os serviços a partir desta terça-feira. A decisão da Ugeirm sindicato, que representa a categoria, foi tomada nesta segunda-feira. Na manhã de hoje, representantes do sindicato entregaram ofício à chefia de polícia, informando sobre a adoção da chamada ‘operação padrão’.

Com isso, os policiais não devem tomar a iniciativa da investigação, coletar depoimentos ou redigir ofícios, o que acaba atrasando o serviço, já que a maioria das ações fica represada. Além disso, não são utilizados equipamentos que estejam sucateados, como viaturas com pneu careca, coletes vencidos ou avariados.
Somente ocorrências graves são registradas pelos policiais, que têm no plantão o principal prejuízo aos serviços que são prestados à comunidade.
Segundo o representante da Ugeirm em Ijuí, Leonel Rodrigues, a categoria tentou evitar o que ele chamou de ‘enfrentamento’ com o governo do Estado, mas a adoção da operação padrão foi a única maneira encontrada para pressionar o Piratini pela retirada do pacote de medidas que prejudica os servidores da segurança pública estadual.

É esperada a adesão maciça dos policiais civis em Ijuí, assim como ocorreu na manifestação ocorrida na semana passada, quando parte das atividades da polícia já havia sido paralisada em protesto contra as medidas do governo do Estado.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!