Busca rápidaX

MANCHETES

Polícia encontra sangue em carro negociado entre suspeito e família morta em Colorado

26 de julho de 2017
A polícia civil aguarda o resultado da perícia para concluir o inquérito que apura a morte de Roberto Carlos Terres, 46 anos, da mulher dele, Márcia Cristina Johan Althaus, de 50, e da filha Maria Elizabeth Johan Terres, 15 anos, ocorridos a cerca de dois meses.

Exame de DNA pode identificar se restos de sangue encontrados num veículo, correspondem ao das vitimas. O carro seria negociado entre a família e Flávio Martins, preso dia 14 de junho. A Polícia encontrou o sangue na Fiat Strada que pertencia a Flávio. A pick-up seria usada pelo acusado para quitar um débito de R$ 20 mil com Roberto Carlos.

Dia 24 de maio a família Terres saiu de Carazinho num automóvel Gol em direção ao município de Colorado para buscar a Fiat Strada no sítio de Flávio. Ao chegar no local foi recebida a tiros. O vizinho de Roberto, que foi junto a área rural, fugiu sem ferimentos. Tanto Roberto quanto Flávio, tinham envolvimento com o tráfico de drogas.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!