Busca rápidaX

“Precisamos nos fortalecer mentalmente”, diz o técnico Antônio Freitas do São Gabriel

21 de maio de 2020

O técnico do São Gabriel, Antônio Freitas, conversou com a reportagem da Rádio Progresso de Ijuí e falou sobre a pandemia, como o clube trabalhou no tocante da liberação dos atletas, recomeço da divisão de acesso, como trabalhar o psicológico e qual aprendizado que fica pós pandemia.

CORONAVÍRUS

Difícil, complicado, nós que estamos na linha de frente dos clubes com atividades bastante intensa, com essa adrenalina do dia-a-dia, dos jogos, então sentimos falta do ambiente do clube, vivemos a expectativa de retorno, mas sabemos que estamos parados por causa dessa pandemia que assolou o mundo todo e temos que ter tranquilidade, entender o momento e aguardar para que possamos a voltar a normalidade o mais rápido possível.

TRABALHO NO CLUBE

O São Gabriel encaminhou a questão dos atletas e comissão técnica pela MP do governo federal, então os atletas durante 2 ou 3 meses, estarão amparados e já na retomada do campeonato serão renovados. O clube deu todo suporte para todos profissionais do clube.

REINÍCIO DA DIVISÃO DE ACESSO

É um cuidado que precisa ter principalmente na retomada por que os atletas irão se reapresentar após um longo período de inatividade, mais de 2 meses e isso vai zerar, vamos precisar fazer uma pré-temporada, tentar recondicionar esses atletas para que eles consigam chegar nos melhores níveis durante a competição, então é preciso ter cuidado nesta preparação para que os atletas não tenham lesão principalmente neste início que onde é o momento crucial e pode acarretar algum problema, então precisamos organizar e quando as coisas melhorarem vamos passar alguns trabalhos para eles para não chegarem num nível abaixo, organizar para que eles possam ganhar uma condição melhor para enfrentar a sequência da divisão de acesso.

PSICOLÓGICO

É preciso buscar um equilíbrio, precisamos nos fortalecer mentalmente, principalmente para quem vive no meio do futebol, é o sustento dos atletas, da nossa família, então é necessário buscar o equilíbrio, ter tranquilidade e ter muita força mental, principalmente neste momento de tristeza, é um vírus que parou o mundo, então isso afeta a todos, mas temos que manter a tranquilidade e estar preparados mentalmente para quando voltar o futebol que tenhamos uma gestão de grupos para fortalecer o lado psicológico para que os atletas possam retomar os treinamentos, dar sequência as rotinas e estarmos preparados para seguir em frente e aguentar a maratona de jogos que iremos ter pela frente.

APRENDIZADO

Isso mostra que toda vaidade, todo egoísmo, toda prepotência, tudo isso não vale a pena e não tem valor nenhum. O que tem valor é o amor, a empatia. O coronavírus mostrou o quanto somos frágeis, por que ele conseguiu para o mundo e que isso sirva que reflexão. Que possamos avaliar, repensar a maneira como vivemos a nossa vida, vida muito corrida, sem tempo para a família e de nos tornamos melhores pessoas e pensar sempre no bem coletivo e esperamos que realmente as pessoas mudar um pouco seus conceitos.

Foto: Renan Mattos/Diário de Santa Maria

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí/Foto: Renan Mattos/Diário de Santa Maria