Busca rápidaX

MANCHETES

Prefeito de São Borja precisa ajustar contas do município

12 de abril de 2017
O Poder Executivo de São Borja ainda não tem o montante exato do prejuízo causado pelas fortes chuvas do último final de semana. Hoje pela manhã, durante entrevista na RPI, o prefeito Eduardo Bonotto, ressaltou que os levantamentos estão sendo feitos. Porém, adiantou que houve perda de praticamente toda a melhoria feita nos mais de 370 quilômetros de estradas do interior. As aulas ainda estão suspensas e devem ser retomadas amanhã ou segunda-feira.

O rio Uruguai chegou a subir nove metros além do nível, mas não desabrigou nenhuma família. Na mesma entrevista na Porgresso, o prefeito de São Borja destacou o esforço para equilibrar as contas municipais. Criticou a difícil realidade financeira com que recebeu a prefeitura no início desse ano e observou que houve redução de funcionários em cargos de confiança, também de secretarias municipais.

Eduardo Bonotto explicou que o orçamento previsto do Executivo de São Borja, para este ano, é de 203 milhões de reais, porém o déficit estimado é de 15 milhões. O prefeito de São Borja, que está no primeiro mandato em cargo público, tem fortes relações de parentesco com o município de Pejuçara.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!