Busca rápidaX

MANCHETES

Prefeitura de Coronel Barros emite aviso aos produtores sobre obrigatoriedade de vacinação contra brucelose

26 de outubro de 2021

Conforme orientação recebida pela Secretaria de Agricultura do Estado, o município de Coronel Barros lembra aos bovinocultores sobre a obrigatoriedade da vacinação de todas as fêmeas bovinas de 03 a 08 meses, seja de aptidão leiteira ou de corte. A não vacinação das fêmeas bovinas e sua comprovação acarretará:
– No impedimento da retirada da guia de trânsito animal – GTA,
– Na inconformidade da propriedade,
– Na multa aos proprietários inadimplentes.

Conforme a legislação, o produtor é obrigado a declarar a vacinação contra brucelose junto a inspetoria de seu município. Ao final de cada semestre, o produtor tem até o 10º dia do mês subsequente para realizar a entrega dos atestados de vacinação contra brucelose.
Na prática, as vacinações realizadas no primeiro semestre deverão ser declaradas até o dia 10 de julho. Já as vacinações do segundo semestre, declaradas até o dia 10 de janeiro. O produtor que não vacinar contra brucelose é passível de ser multado no valor de 60 UPF (R$ 1.269,48) acrescido de 3 UPF por terneira não vacinada (R$ 63,47).

Para agendar a vacinação, os proprietários devem entrar em contato com a Secretaria de Agricultura de Coronel Barros, pelo fone 3333-9119.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!