Busca rápidaX

Prefeituras da região começam adotar turno único de atendimento

16 de outubro de 2017

Como forma de promover contenção de gastos, algumas prefeituras começam adotar turno único de atendimento neste final de ano. Hoje, essa metodologia vai iniciar no Poder Executivo de Panambi, quando diversos setores da municipalidade passam a trabalhar das 7 às 13 horas até o final do ano. No entanto, os serviços considerados essenciais, como saúde, educação e coleta de lixo, mantém os horários normais. O prefeito, Daniel Hinnah, também disse que não haverá pagamento de horas extras para funcionários em turno único.

Quem também inicia turno único nesta segunda-feira é Santo Angelo, com atendimento à população das 7 horas e 30 minutos às 13 e 30. Porém, ambulatórios e áreas da educação permanecerão com horário habitual. Em Eugênio de Castro a prefeitura já atende das 7 às 13 horas desde primeiro de setembro, medida que segue até 31 de dezembro próximo.

Já em Guarani das Missões, o turno único no Executivo começou sexta-feira passada, no entanto, como horários diferenciados entre os setores. A sede da administrativa da prefeitura, por exemplo, trabalha das 7 horas e 15 minutos às 13 e 15. São Nicolau é outro município onde a prefeitura atua em turno único, das 7 às 13 horas, desde 4 de setembro.

No entanto, serviços essenciais seguem com horário normal, por exemplo, fiscalização, escolas municipais, Pronto Atendimento de Saúde e os Programas de Saúde da Família. Já a prefeitura de São Paulo das Missões começa, hoje, turno único no Centro Administrativo e na secretaria de Obras, das 7 às 13 horas.

Em Ubiretama, a prefeitura está com turno único, das 7 e 30 às 13 e 30, desde 18 de setembro, em várias áreas. Já escolas, segmento de saúde, Conselho Tutelar e outras áreas essenciais seguem com trabalho normal. A prefeitura de Vitória das Missões também atua com turno concentrado das 7 e 30 às 13 e 30. Em Ijuí, o prefeito Valdir Heck disse que o Executivo não vai adotar turno único.

 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!