Busca rápidaX

MANCHETES

Primeiras doses da vacina contra a Covid-19, no Brasil, serão distribuídas no final de Janeiro

13 de janeiro de 2021

O Brasil deve iniciar a vacinação da população enquadrada nos grupos de risco, contra o novo Coronavírus, ainda em Janeiro. Conforme o Presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações, Juarez Cunha, os imunizantes da Aztrazeneca e Coronavac, devem ser os primeiros a serem distribuídos. Em entrevista à Rádio Progresso Juarez esclareceu algumas dúvidas sobre a aplicação das doses. Relatou que o índice de eficácia global da Coronavac é de pouco mais de 50%, o que, segundo ele, é baixo, porém, eficaz para prevenir os casos graves da doença.

Juarez Cunha disse que o Plano Nacional de Imunizações vai contemplar, primeiramente, os profissionais de saúde, indígenas e idosos que residem em lares especializados. Com isso, conforme o presidente, o sistema de saúde poderá ter um fôlego a curto e médio prazo.

A sociedade Brasileira de Imunizações (Sbim) acredita que os laboratórios Brasileiros são capazes de produzir, em média, dois milhões de doses da vacina por dia. Juarez Cunha lembrou que são necessárias duas doses no intervalo de 21 dias, para a pessoa ser considerada imunizada.  Ele destacou ainda que mesmo com a chegada dos imunizantes, a população deve continuar se precavendo da doença, evitando aglomerações, utilizando o Álcool em Gel e usando, diariamente, a máscara de proteção individual.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!