Busca rápidaX

MANCHETES

Procon de Ijuí fiscaliza preços de itens da cesta básica após denúncias

3 de setembro de 2020

O Procon de Ijuí atua junto aos supermercados, com o intuito de fiscalizar possíveis aumentos abusivos nos itens da cesta básica. Conforme o coordenador da unidade, Nelson Copetti, os setores de fiscalização e jurídico elaboraram uma notificação aos supermercados. Nelson reitera que houve denúncias por telefone e diante dos relatos dos consumidores, o documento foi elaborado .

Hoje (03) o Procon ijuiense iniciou um trabalho técnico de acompanhamento, pelo prazo de 10 dias, dos preços anteriores e os mais recentes. O objetivo é verificar se houve abuso de preço ou não.

Em Santo Ângelo, o Procon também monitora os itens da cesta básica junto ao comércio local e também através dos aplicativos oficiais disponíveis para pesquisa. Esse trabalho vem sendo realizado há algumas semanas devido a constatação de aumento nos preços. Diante disso, o Procon local está expedindo notificações para esclarecimentos, buscando detectar a causa dessa elevação.

Conforme o coordenador Ricardo Montes de Jesus não cabe ao Procon a regulação de preços. “O órgão de defesa do consumidor não possui competência para tabelar preços, mas tão somente, como agora, identificar a causa desse aumento que atinge diretamente o consumidor, repassando as informações às autoridades responsáveis”.

Entretanto, na análise dos membros do Procon local, é possível antever alguns motivos para essa elevação de preços, como o aumento no preço dos insumos; dólar em alta; fatores climáticos e exportações, que desabasteceram o mercado interno.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!