Busca rápidaX

Produtores da região de Ijuí amargam novas quedas no preço do leite

3 de dezembro de 2021

Produtores de leite do Rio Grande do Sul, inclusive da região de Ijuí, registram redução média de 30 a 40 centavos no pagamento por litro de leite feito pelas empresas ou cooperativas, entre outubro e o mês passado.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Augusto Pestana, Volnei Hasse, ressalta que nesse último pagamento o preço médio recebido pelos agricultores foi de 1 real e 98 centavos. No entanto, há produtores que chegaram a receber entre 2 e 15 e 2 e 20 por litro, ou seja, quem produz mais. Porém, muitos ganharam de 1 e 70 a 1 real e 80 centavos, especialmente pequenos produtores de leite. Há pouco tempo, o valor pago pelo litro de leite chegou a cerca de 2 reais e 45 centavos.

Volnei Hasse também observou que no momento o custo médio para produzir um litro de leite está entre 1 e 85 e 1 real e 90 centavos. Com isso, muitos agricultores empatam entre o que recebem e o que gastam na produção e vários outros trabalham com prejuízo. Um dos problemas é que o custo de produção segue alto, ou seja, não reduziu igualmente ao que ocorre com o preço do leite repassado para o agricultor. Por exemplo, o quilo da ração se mantém numa média de 2 reais e 30 centavos desde o início deste ano. Antes, estava em 1 e 90. A adubação para as pastagens também está cara. A explicação das empresas é que houve redução no consumo de leite por parte da população, por isso a baixa no preço pago para o agricultor.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Radio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!