Busca rápidaX

MANCHETES

Champs Elysees

Produtores de leite de Ijuí e região chegam a receber acima de R$ 2 por litro

5 de agosto de 2016
NULL

Num período de alta do preço do leite pago ao agricultor na região de Ijuí, os custos de produção também registram acréscimo. Falta de milho e trigo no mercado, por exemplo, levam a elevação no valor da ração para alimentar os bovinos. Além disso, o preço das vacas matrizes para compra também apresenta aumento.

 

O técnico agrícola do escritório municipal da Emater em Ijuí, Edewin Bernich, no entanto, ressalta que há produtores que recebem acima de 2 reais o litro de leite. O valor mais baixo pago por empresas, indústrias ou cooperativas gira em torno de 1 real e 5 centavos. Para se ter uma idéia da melhoria de preço, o atual valor mínimo de cerca de 1 real pago ao agricultor, no momento, há três meses era praticamente o preço máximo.

 

Isso se deve à falta de leite produzido, o que eleva a cotação para o produtor. Muitos agricultores deixaram de produzir leite, especialmente por conta do calote dado por empresas e industrias que decretaram falência. Em Ijuí, segundo Edewin Bernich, existem produtores que se mantém com bom nível de plantel animal. Citou um agricultor da comunidade de Arroio das Antas que possui em torno de 120 vacas leiteiras. Na Linha 11 Norte há produtores com média de 100 animais. Porém, muitos outros agricultores ijuienses contam com plantel entre 20 e 60 vacas leiteiras.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os comentários estão desativados.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!