Busca rápidaX

Qual é o caminho do São Luiz nas próximas etapas da Série D?

28 de novembro de 2020

Nesse sábado (28), o São Luiz carimbou passaporte para a próxima etapa da Série D ao superar o Tubarão-SC por 3 a 0 no Estádio 19 de Outubro. Assim, ficou em segundo lugar no seu grupo, com 23 pontos. Conforme o regulamento da Série D, os quatro classificados do Grupo A8 enfrentam os quatro classificados do Grupo A7 na segunda fase.

Dessa forma, o São Luiz enfrenta a Cabofriense/RJ, que perdeu na última rodada para o FC Cascavel-SC, em casa, e terminou em terceiro lugar. Os jogos de ida acontecem no final de semana de 5 e 6 de dezembro; os de volta, no final de semana de 12 e 13 de dezembro. A CBF ainda não divulgou a tabela detalhada, confirmando os dias e horários.

Uma coisa, porém, o rubro já sabe. Decide em casa (foi o 2º do seu grupo, enquanto o rival foi 3º em seu grupo). E a partir de agora, nos jogos de mata-mata, não tem saldo qualificado. É saldo simples. Gol marcado fora de casa não é critério de desempate. Portanto, se a equipe ijuiense vencer no Rio de Janeiro por 1 a 0, mas perdeu em casa por 2 a 1, teremos pênaltis.

E se o São Luiz eliminar a Cabofriense? Vai para a 3ª fase e enfrenta ou a Aparecidense, de Goiás, ou o Tupynambás, de Minas Gerais. Essas equipes duelam entre si do outro lado do chaveamento. Quem sobreviver a terceira etapa ingressa nas quartas-de-final. Porém, há um detalhe nesse ponto. Os oito times que restarem serão distribuídos numa tabela de classificação, do 1º ao 8º lugar com base pontuação que acumularam desde a fase de grupos. Feita essa distribuição, os embates são estabelecidos por cruzamento olímpico: 1º x 8º; 2º x 7º; 3º x 6º e 4º x 5º.

Desse modo, dependendo da pontuação que acumularem, o São Luiz pode reencontrar os times que integraram o Grupo A8, como Marcílio Dias, Novorizontino e Caxias. E, a bem dizer, essa é a fase verdadeiramente decisiva. Porque aqueles que passarem daqui e alcançarem a semifinais conquistam também o acesso para a Série C.

Curiosidade: A equipe de melhor campanha, Brasiliense, pode ser adversária do Caxias na 3ª fase. O Brasiliense somou 33 pontos no Grupo A6. Foram 10 vitórias, 3 empates e apenas 1 derrota. O revés aconteceu na segunda rodada, fora de casa, contra o Gama por 2 a 1.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!