Busca rápidaX

MANCHETES

Reformas revitalizam estrutura da Escola Técnica 25 de Julho

23 de julho de 2017
As 400 refeições servidas diariamente em cada um dos três turnos de aula da Escola Técnica 25 de Julho, em Ijuí, são preparadas desde o início do ano letivo em um ambiente totalmente reformado. A obra foi custeada com recursos de empréstimo tomado pelo governo do Estado junto ao Banco Mundial (Bird).

O piso foi substituído, assim como as bancadas utilizadas para a manipulação dos alimentos. Além disso, as paredes ganharam azulejos até o teto, como preveem as normas sanitárias. A obra também contemplou duas outras demandas antigas do estabelecimento de ensino: a impermeabilização da caixa d'água e a reforma da rede elétrica.

"Tínhamos constantes quedas de energia, principalmente após a climatização das salas, feita entre os anos de 2014 e 2015. Com a reforma da rede, o problema foi solucionado. Também substituímos as lâmpadas antigas pelas de led, o que contribui para a redução na conta de luz", contou Maria Cleni Holz, diretora da escola.

Com a intervenção, a rede elétrica que vai da subestação de energia até as alas Sul e Oeste da escola foi totalmente refeita. Nessas partes da edificação funcionam salas de aula, laboratórios, sala dos professores, ala administrativa, biblioteca, setor de cópias e cozinha.

Somadas, todas as reformas custaram R$ 120 mil. O recurso foi depositado pelo governo do Estado na conta da direção, que administrou o dinheiro e efetuou a contratação das empresas.

Pelos 4,7 mil metros quadrados de área construída da 25 de Julho passam diariamente 1,5 mil estudantes. São moradores de Ijuí e de municípios do entorno, como Catuípe, Boa Vista do Cadeado, Coronel Barros e até mesmo Três Passos, que fica a 120 quilômetros da escola.

Além do Ensino Médio, o estabelecimento de ensino oferece Educação de Jovens e Adultos (EJA) e os cursos técnicos em Mecânica, Informática, Móveis e Eletrotécnica.

"Nossos alunos concluem os cursos técnicos e, em sua grande maioria, já são inseridos no mercado de trabalho", garantiu a diretora.

A Escola Técnica 25 de Julho
1,5 mil alunos;
4,7 mil metros quadrados de área construída;
400 refeições servidas por turno;
R$ 120 mil investidos na reforma da cozinha, rede elétrica e caixa d’água;
34 netbooks educacionais destinados para a escola em 2015.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!