Busca rápidaX

MANCHETES

Regiões de Santo Ângelo, Santa Rosa e Cruz Alta têm bandeira vermelha no distanciamento controlado

10 de julho de 2020

O cenário de disseminação do coronavírus e da ocupação de leitos cresce no Estado. Na décima rodada preliminar do Distanciamento Controlado, o Rio Grande do Sul tem 15 regiões com risco alto, ou seja, estão na bandeira vermelha. As bandeiras definitivas serão divulgadas na segunda-feira. Na análise preliminar dos índices de propagação do vírus e de ocupação dos leitos, as regiões de Santa Rosa, Santo Ângelo e Cruz Alta estão na bandeira vermelha do Distanciamento Controlado, assim como as cidades que englobam a região de Palmeiras das Missões. A região de Santo Ângelo tem a situação mais preocupante, já que a classificação vermelha pela segunda semana consecutiva aciona a chamada trava de segurança. Com isso, as cidades missioneiras somente poderão ser reclassificadas para bandeira menos restritiva, caso apresentem redução no aumento de hospitalizações e mortes por duas semanas consecutivas. Além do impacto dos indicadores estaduais de Capacidade e de Mudança da Capacidade de Atendimento, a região atingiu 23 registros de hospitalizações para Covid-19 na última semana – aumento de 53% em relação à semana anterior. Já em Cruz Alta e Santa Rosa, As mudanças decorrem pela contínua piora dos indicadores de propagação e de capacidade do sistema de saúde, tanto regionais quanto macrorregionais. Apenas a região de Ijuí manteve-se na bandeira laranja.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí.
error: Conteúdo protegido!