Busca rápidaX

MANCHETES

Rio Grande do Sul se prepara para vacinação do público a partir dos 12 anos

21 de agosto de 2021

Será anunciado nas próximas semanas o início da vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades no RS. A garantia foi dada na manhã desta sexta-feira pelo presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Cosems) e vice-presidente da Região Sul do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Maicon Lemos, que também é secretário de Saúde da cidade de Canoas. “Aguardamos apenas uma liberação do Ministério da Saúde para começar a imunizar este público. O ministério solicitou aos estados e municípios, na última reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), que aguardasse por essa liberação. Ela deve ocorrer nos próximos dias, e será nacional. E, no RS, os municípios a esperam com ansiedade”, assegurou o dirigente, durante o intervalo entre as reuniões mantidas nesta manhã entre secretários municipais e a secretaria estadual para debater a continuidade das estratégias de vacinação no Estado.

Conforme Lemos, o anseio da parte dos gestores gaúchos se dá não apenas pela necessidade de vacinar o maior público possível, como também pelo fato de o Estado já ter confirmada a transmissão comunitária da variante delta do coronavírus. “A cada dia novos casos da delta se confirmam, e de forma rápida. Por isso, não estamos afastados de ter uma possível onda de contaminados maior. E não há como projetar quantos dos contaminados poderão vir a ocupar leitos de UTI ou de enfermaria. Então, a nova variante é, sim, uma preocupação.  Os estados e os municípios, por meio do Conass (Conselho Nacional dos Secretários da Saúde) e do Conasems, solicitaram ao ministério que avaliasse com urgência a liberação da vacinação do público em geral na faixa etária dos 12 aos 17 anos, sem comorbidades.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!