Busca rápidaX

MANCHETES

Senadora gaúcha propõe compra governamental de leite para ajudar produtores

24 de outubro de 2017

A crise do setor leiteiro gaúcho movimenta o segmento político, lideranças sindicais e também os próprios produtores. Hoje pela manhã, em entrevista na Progresso, a senadora gaúcha, pelo PP, Ana Amélia Lemos, disse que sugeriu a compra do excedente de leite, por parte do governo federal, para doação a países que enfrentam grave problema de fome, também para programas sociais brasileiros, creches e outros.

Para ela, isso pode melhorar o preço do leite ao agricultor. Produtores de leite de todo o Brasil sofrem com o preço baixo. Só no Rio Grande do Sul, nos últimos dois anos, 19 mil produtores abandonaram a atividade. Na semana passada, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, anunciou a suspensão da importação do leite uruguaio. A entrada do produto do país vizinho contribuía para a queda do preço pago no leite brasileiro. Em entrevista recente, o ministro adiantou que o Mapa não dispõe de orçamento para comprar o leite excedente, mas que através do MDS tal medida poderia ser viável. 

Atualmente, no Brasil, são mais de 1 milhão de produtores de leite e cerca de 4 milhões de trabalhadores envolvidos na atividade leiteira. Ao todo, 99% dos municípios brasileiros têm registro de atividades ligadas ao setor. 

 

 

 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!