Busca rápidaX

MANCHETES

Sindicato dos Comerciários de Ijuí inicia negociação do dissídio coletivo e pede reposição de 6,22%

12 de abril de 2021
Aru Bauer, presidente do Sindicato dos Comerciários de Ijuí

O atual período marca negociação salarial do dissídio coletivo de várias categorias. Uma delas é dos comerciários. O Sindicomerciários, com sede em Ijuí, realizou a primeira reunião com o Sindicato do Comércio Varejista na semana passada. O presidente do Sindicato dos Comerciários, Ari Bauer (foto), disse que a entidade pediu, ao sindicato patronal, a reposição de 6,22% da inflação, referente ao ano passado. Com isso, o piso salarial dos comerciários de Ijuí e demais áreas de abrangência fica em mil, 437 reais, se houver acerto. Bauer acredita que até a próxima semana seja agendado novo encontro para fechar a convenção para este ano.

Com a empresa Havan a negociação acontece de forma separada e o dissídio foi definido, com piso de mil, 505 reais, ainda estabelecido novos valores do vale alimentação e auxílio escola. Ari Bauer aproveitou para comentar, durante entrevista nesta manhã na RPI, que o Sindicomerciários fechou dissídio para os trabalhadores da Cotrijuí, com básico de mil, 437 reais, mas em agosto haverá repasse de mais 1,22% e quitação do auxílio escola no mês que vem. Já com a Cotricampo o piso ficou em mil, 456 reais. O Sindicomerciários ijuiense também negocia, neste momento, o dissídio coletivo com supermercados, farmácias, funerárias, cerealistas e empresas de bebidas.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!