Busca rápidaX

MANCHETES

Tenente Portela aguarda vistoria da Defesa Civil após decreto de emergência em função da estiagem

25 de fevereiro de 2020
Na última sexta-feira houve reunião que decidiu pelo decreto de emergência

O Executivo de Tenente Portela vai oficializar, amanhã, 26, o decreto de situação de emergência em razão da estiagem. O prefeito, Clairton Carboni, disse que também amanhã a Defesa Civil vai estar no município para avaliar os prejuízos.

Clairton Carboni comentou que o principal problema diz respeito à falta de água potável para a população. Cerca de 150 famílias de Tenente Portela estão sem água, pois os poços artesianos secaram ou estão com nível de água muito baixo. Também há muitas vertentes secas.

Um caminhão pipa da prefeitura percorre, diariamente, vários locais do município para levar água à população. O prefeito Carboni ainda destacou que também existe falta de água para animais e aves. Os açudes estão cada vez mais secos, o que causa prejuízo na piscicultura.

Com a falta de chuva, Tenente Portela também registra diminuição na produção leiteira, visto que os bovinos sofrem com pouca água ou pelos problemas nas pastagens. A comunidade de Daltro Filho é uma das mais atingidas pela estiagem. Ainda há sérios problemas nas localidades indígenas de Tenente Portela.

Já as lavouras de soja e milho, com as últimas chuvas, retomaram o desenvolvimento. O problema é que essas chuvas não são suficientes para aumentar a água nos lençóis freáticos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!