Busca rápidaX

MANCHETES

“Um sonho de criança”, diz Battu ao jogar pela primeira vez como profissional

20 de dezembro de 2019

18 de dezembro de 2019, por volta das 22h15, será uma data memorável para o volante do São Luiz, João Pedro Battu. Foi aproximadamente neste horário, que o técnico do Rubro, Leandro Machado, o chamou e lhe passou orientações para entrar no duelo entre São Luiz e Concórdia. O volante de 16 anos, estava entrando na equipe do São Luiz pela primeira vez como profissional. Battu, disputou o estadual sub-17 defendendo o Rubro e era titular absoluto da posição.

O atleta, conversou conosco e falou da emoção de jogar a primeira vez como profissional. “Uma emoção muito grande. Um sonho de criança. Mesmo 5 minutos, deu para emocionar. Muito bom para pegar experiência. Quando a direção me chamou para treinar, conversei com meus pais, eles me incentivaram a vir para aprender, pois tenho mais um ano de sub-17 e vamos aprendendo”.

O jogador falou também sobre não ter entrado contra o sub-20 da Chapecoense. “O professor Leandro já tinha conversado comigo, sabia que não iria entrar, pois preciso de força e isso vamos adquirindo com os trabalhos que estamos realizando, por isso a importância de estar aqui”.

Battu também falou sobre o “frio” na barriga de entrar pela primeira vez num jogo profissional. “O friozinho sempre existe. O professor pediu para ficar posicionado já que o Lucas sentiu cãibras e o Erwin passou para a lateral”.

O volante revelou ainda como foi a repercussão da sua entrada entre familiares e amigos. “Todos felizes. Recebi inúmeras mensagens. Agora é seguir trabalhando”.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!